Podcast Surra de Lúpulo, ep. 46, Cerveja da Bahia para a Holanda!, com Gustavo Martins

O convidado do episódio 46 do Surra de Lúpulo, nosso podcast de cerveja artesanal, é Gustavo Martins, fundador e CEO da MinduBier, cerveja artesanal que desembarca diretamente da cidade de Salvador. Sem perder as características regionais sempre tão presentes na produção de cerveja artesanal, a MinduBier agora será um pedacinho da Bahia no mundo, mais especificamente a Holanda, para onde acaba de ser exportada.

Gustavo conta que a MinduBier (uma corruptela do apelido que ele levou da faculdade para a vida, Minduim) nasceu de sua produção caseira em 2014 e teve o momento de virada quando em 2016 o rótulo carro-chefe, MinduIPA, venceu o concurso Bier Hub em São Paulo, concorrendo com outras sete cervejarias. O prêmio? A produção comercial do rótulo. “A MinduIpa foi duplamente premiada nessa ocasião. Além de vencer no concurso, foi premiada com a imensa sorte de conseguirmos uma transportadora para levar o barril de Salvador a São Paulo já que eu, inocente, cheguei ao aeroporto achando que poderia despachá-lo como bagagem! Cheguei a telefonar para o supervisor da LaTAM cargo no meio da madrugada, mas conseguimos!”, relembra Gustavo com bom humor.

Da Bahia para o mundo!

Em 2019 a MinduBier passou a ser distribuída para todo Brasil pela Dádiva, o que a faria chegar, agora em 2021, de contêiner refrigerado na Holanda, junto com outras cervejas artesanais brasileiras que recentemente vêm caindo no gosto do público europeu. “É muito legal começar a ver os europeus, que são um público diferenciado, exigente, começando a ranquear a MinduBier no Untappd”, comenta.

Mas se cruzar o oceano foi o resultado natural de um trabalho bem executado no cenário brasileiro e, sobretudo, nordestino, Gustavo comenta que um de seus fronts é atuar na mudança de paradigma de consumo das artesanais no mercado baiano. “O baiano ainda tem muito essa mentalidade do beber até cair, é algo cultural, incentivado por diversos fatores, entre eles o carnaval. Ainda é difícil fazer entender a questão do beber menos e beber melhor, mas vejo progressos. Há três anos tínhamos três cervejas artesanais sendo produzidas aqui, hoje já são cerca de vinte”, explica o empresário cervejeiro.

Entre os planos da MinduBier para o futuro estão seguir em buscas de receitas com o terroir (saiba mais sobre terroir ouvindo nosso episódio 39, com a sommelier Cilene Saorin) episódio da Bahia, primando sempre pela qualidade sensorial do produto final. Por enquanto a cervejaria segue cigana, mas, na hora de abrir a primeira fábrica, Gustavo é categórico. “Dificilmente me vejo abrindo a fábrica da MinduBier fora de Salvador. A fábrica local aquece o mercado, traz representatividade e visibilidade para a praça e estar aqui em Salvador vai ajudar ainda mais a fazer o baiano se sentir inserido no mundo das cervejas artesanais e crescer no mercado de cerveja nordestino, como já fizeram estados como Pernambuco e Ceará”.

 

Surra de Lúpulo

Surra de Lúpulo

Toda quinta-feira um episódio novinho em folha falando sobre tudo relacionado a cerveja no Brasil e o Mundo.